FreeBSD escalável para Bancos de Dados

É fato:

  • O Linux historicamente escala melhor do que o FreeBSD;
  • O PostgreSQL historicamente escala melhor que o MySQL;

Digam o que quiserem, todos os testes conduzidos por pessoas sérias parecem concordar com estas duas afirmações. Para quem não sabe, “escalar” significa aumentar de performance proporcionalmente ao número de CPUs existentes no equipamento.

Mas o tempo passa, e como prometido, a versão 7.0 do FreeBSD parece ter cumprido a promessa de melhorar o escalonador de processos. O resultado você observa aqui. Os testes podem não ser 100% fidedignos ao representar uma situação real com banco de dados, mas os números parecem ser bastante promissores.

Parabéns a equipe de desenvolvimento do FreeBSD… certamente vocês vão ganhar novos DBAs como usuários.

OBS: Os testes foram realizados com até 8 cores, não há informações para um número maior de processadores.

1 comentário

  1. jalexandre Responder

    Realmente, a equipe de desenvolvimento fez um trabalho fantástico para a versão 7.
    One “demon” to rule them all! 😉

    [ ] ‘s

  2. Leandro GFC DUTRA Responder

    Falando ſério, achei intereßante o comparativo com o programador completamente justo (CFS, Completely Fair Scheduler) do GNU/Linux. É estranho ele ſer pior não ſó que o FreeBSD 7 (lembrando entretanto que o Linux ganha verſões muito mais rapidamente que o FreeBSD, então melhorias devem logo vir) mas que o programador de tarefas tradicional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *